Tempo d’AldeiaArtesã de Histórias

Categorias:
Escalões:
9

SINOPSE

Esta podia ser uma aldeia como todas as outras, mas não existe nenhuma aldeia igual a todas as outras. Cada terra tem o seu nome, a sua história, a sua riqueza, o seu povo… Ó D’aldeia! Há os que são da terra e há os novos que vêm de fora, uns passam e outros ficam. A vida ainda corre por estes lados, mas custa, porque tudo é longe e leva tempo… os galos cantam, os gatos miam, os cães ladram, a caravana passa, a coruja canta ao luar, quando calha lá se monta o baile e o coração bate na alegria de encontrar o que se procura. É o tempo d´aldeia que se encontra nas histórias que giram à nossa volta. Ainda assim, vamos à vida hoje como fomos ontem e iremos amanha, a semear para colher, a semear para colher…

 

Ficha Artística

Técnica : Teatro de Bonecos – Marionetas de Fio em Fantocheiro
Música : Liga dos Amigos da Mina de São Domingos, Recolha Popular de Michel Giacometti, Mipnose de Mosca Tosca
Guião, Marionetas, Cenografia, Interpretação e Manipulação : Isabel Silva
Produção : Artesã de Estórias

Duração 90 mins.